HC alerta para os riscos de exposição solar excessiva

O uso de protetor solar desde a infância é primordial para evitar riscos futuros. Deve-se utilizar filtro solar, chapéu e roupas adequadas durante todo o verão. Crianças expostas à luz solar de forma intensa e inadequada correm risco de desenvolverem câncer de pele na adolescência ou fase adulta, de acordo com a Clínica de Dermatologia do Hospital das Clínicas, da Faculdade de Medicina da USP (HC/FMUSP).

Segundo o dermatologista Paulo Ricardo Criado, a proteção solar deve fazer parte do cotidiano da criança. O uso de filtros solares, chapéus de abas largas e roupas adequadas não deve se restringir apenas a praia ou piscina. “São medidas seguras para a prevenção da doença”, disse.

Uma regra que pode auxiliar os pais a identificarem quando a criança deve evitar o sol é a “regra sombra”. O sol é mais danoso quanto menor é a sombra da criança em relação à sua altura. O risco é menor quanto maior o tamanho da sombra.

 

Campanha Nacional de Prevenção do Câncer de Pele

Para conter a elevada incidência no Brasil, cerca de 120 mil casos novos por ano (estimativa do Instituto Nacional do Câncer, o Inca), a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) realiza, no dia 24 de novembro, a Campanha Nacional de Prevenção ao Câncer da Pele 2012.

Em Ribeirão Preto, a campanha acontece das 8 às 14 horas, no ambulatório do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (HCFMRP) da USP. Neste dia, a equipe de dermatologistas do HCFMRP realiza atendimento gratuito à população, com exame preventivo da pele e, diante da suspeita do tumor, encaminhamento rápido para confirmação do diagnóstico e tratamento.

Na Campanha Nacional de Prevenção ao Câncer da Pele, os dermatologistas voluntários de todo país se unem na maior campanha de especialidade por um mesmo objetivo: detecção e orientações de prevenção ao câncer da pele. As ações da campanha consistem em divulgação de orientações, maneiras de prevenção, dos sinais suspeitos nas lesões de pele e os benefícios do diagnóstico precoce.

Os atendimentos do dia 24 de novembro terão foco principal no grupo de risco, composto geralmente por pessoas de pele clara, com manchas, casos de câncer da pele na família ou quadro anterior da doença.

Segundo a coordenadora do evento em Ribeirão Preto, professora Cacilda da Silva Souza, do Setor de Dermatologia da FMRP, anualmente a campanha na cidade realiza em torno de 500 atendimentos, sendo a doença detectada em 11% destes casos. O HCFMRP fica na Avenida dos Bandeirantes, n.º 3900, Campus Universitário, Monte Alegre, Ribeirão Preto.

Saiba mais…

Fonte: Agência USP de Notícias

 

Campanha de prevenção do câncer de pele

A Clínica de Dermatologia do Hospital das Clínicas da FMUSP realizará exames para diagnóstico precoce do câncer de pele no público interessado. O público terá orientação sobre como prevenir o câncer de pele. Serão distribuidos folhetos educativos para maior disseminação das informações. O câncer de pele é caracterizado pelo crescimento anormal e descontrolado das células que compõem a pele. A radiação ultravioleta é a principal responsável pelo seu desenvolvimento. Para a assistência, a Clínica de Dermatologia mobilizará cerca de 60 profissionais, entre médicos, enfermeiros, voluntários e administrativos. O atendimento faz parte da Campanha Nacional de Prevenção ao Câncer de Pele, realizada pela Sociedade Brasileira de Dermatologia. O atendimento será feito das 9h às 15h, no Prédio dos Ambulatórios, no dia 26/11/2011.